Doenças do envelhecimento

Ortopedia

ESPECIALISTA DESTACA ALGUMAS MEDIDAS PREVENTIVAS QUE SÃO IMPORTANTES PARA QUE IDOSOS

TENHAM QUALIDADE DE VIDA.

Eles não vivem para sempre, como muitos gostariam, mas são capazes de ter uma vida longa e saudável se tomarem as medidas apropriadas para minimizar os riscos de doenças decorrentes do envelhecimento.
Os ortopedistas explicam que é comum, a partir dos 60 anos surgirem problemas nas articulações, entre eles a artrose: doença que pode ocorrer em qualquer articulação, especialmente as que apresentam maior movimento.


As causas
A rotina da pessoa e os hábitos contribuem para um desgaste maior ou menor das articulações. As causas da artrose têm  relação também com o tipo de atividade que ela exerceu durante a vida, se ela é uma pessoa que pratica atividades físicas regularmente, se tem doenças degenerativas ou é obeso, por exemplo. Tudo isso pode causar um desgaste maior nas  articulações e agravar o problema.
Além disso, após os 60 anos é comum que apareçam deformidades decorrentes da má postura e que se tornam permanentes e difíceis de serem revertidas. Por conta da idade, os ligamentos sofrem alteração causando a artrose (desgaste natural da cartilagem que reveste nossas articulações). Essa doença costuma se instalar no quadril, nos joelhos e na coluna. Mas, podem aparecer também nas mãos, nos pés, nos ombros.


A prevenção é o melhor remédio
O tratamento preventivo é a melhor forma para prevenir as dores da artrose. A prática de atividades físicas e uma alimentação balanceada são medidas que retardam o aparecimento da doença. Atualmente, o procedimento cirúrgico é a última opção e é utilizado só em casos de uma artrose severa ou quando os tratamentos conservadores não surtem efeito. Como os pacientes têm buscando ajuda cada vez mais precocemente, é possível melhorar a qualidade de vida da pessoa evitando a cirurgia com terapias alternativas, com acupuntura, fisioterapia, dentre outras.


Por fim, o alerta dos especialistas é que os idosos também devem tomar alguns cuidados para evitar quedas e fraturas como:
- Usar sapatos confortáveis de sola emborrachada;
- Evitar pisos escorregadios e molhados;
- Retirar possíveis objetos das áreas de passagem.


Esses cuidados diminuem as chances de acidentes, que nessa faixa etária a calcificação dos ossos se torna mais demorada e outros problemas de saúde podem aparecer em decorrência da diminuição da mobilidade.



Autor: Dr. Fábio Geraldi Figueiredo Ortopedia e Traumatologia | Cirurgia do Quadril CRM-MG 45984 | TEOT 12.753 | SBQ 0623
Fonte:
tags: envelhecimento, doenca, ortopedia.
hair wigs remy hair extensions cheap hair extensions human hair wigs